quinta-feira, 25 de abril de 2013

"O QUE TEM NA PANELA, JAMELA?"

Autor e Ilustrador Niki Daly
Tradução Luciano Machado
Edição SM
 
E não é que me apaixonei por esse livro?
O escritor desse livro é da Africa do Sul.. e esse livro é cheio de cor e de costumes africanos.
Uma história linda e muito gostosa de ler sobre a amizade de uma menininha chamada Jamela e uma galinha.

A história começa com a avó e a mãe de Jamela conversando e combinando sobre o almoço do dia de natal. E então Jamela foi com sua mãe na casa de Dona Zibi e compraram uma franguinha para alimentar direitinho e ela ficar gorda e bonita para ser o almoço de natal.

Quando chegou em casa a mãe de Jamela mostrou a quantidade de milhos que deveriam ser dados para a galinha e ensinou a menina a fazer a galinha comer em sua mão. Logo Jamela quis colocar um nome na galinha: a galinha então passou se chamar Natal.

Toda manhã, antes de ir para a escola Jamela dava comida e água para a Natal. Quando tinha tempo, Jamela sergurava a galinha Natal no colo e enchia a mão de milho para dar  a ela.

A mãe de Jamela recolhia o cocô da galinha e adubava a plantação de abóbora. A cada dia a galinha e as abóboras pareciam ficar maiores.

Toda vez que a avó de Jamela ia a casa dela perguntava como estava indo "a comida de natal" e jamela respondia que estava ótima, com a testa franzida e brava pois a avó sempre passava a língua pelos lábios, como a mulher da propaganda de frango assado da TV.

Um dia ao ver Jamela e Natal felizes juntas, a mãe dela ficou preocupada: como ia tirar a galinha da menina para metê-la na panela?

Na véspera do natal Dona Zibi apareceu para uma visita, a mãe de Jamela mandou que ela fosse dar uma volta, antes mesmo de sair Jamela reparou que Dona Zibi passava a mão no avental, e as mãos delas pareciam capazes de fazer um grande estrago.

Jamela, mesmo sabendo que era errado desobedecer aos mais velhos, saiu de fininha para a casa de Telma, levando Natal nos braços.  Com a confusão e o barulho de uma lotação, Jamela tomou um susto e acabou deixando Natal, que sumiu no meio da multidão.

Jamela voltou para casa devagarinho. No fim da rua viu sua mãe e D Zibi correndo em sua direção. Dona Zibi olhava para ela com uma cara muito brava. Jamela teve vontade de sumir, mas teve que contar que tinha perdido a Natal.

E pouco depois as três ouviram uma lotação freando bruscamente, e de dentro dela voou a galinha gorda e vermelha. Natal correu para dentro de um salão de beleza e lá fez muita confusão. A mãe de Jamela conseguiu prender Natal em um cesto.  Dona Zibi passou a mão por baixo da armadilha e decretou: "Do cesto para a panela!".

Jamela implorou para para sua mãe "Por favor, não deixe a Dona Zibi machucar Natal!"
E Dona Zibi retrucou que era só uma galinha... mas Jamela gritou "Natal não é só uma galinha, é minha amiga. E não se pode comer um amigo!"
As mlheres que estavam no salão concordaram com Jamela.

Então na manhã do dia de natal, Jamela ajudou a mãe a preparar o almoço, por causa do rico adubo natural as abóboras ficaram suculentas e tenras. Jamela separou todas as sementes.

Quando a avó e os outros parentes chegaram o cheiro que vinha da cozinha estava uma delícia. E a avó perguntou "O que tem na panela, Jamela?" que respondeu: "Surpresa, vovó".

Depois todos trocarem presentes, a mãe chamou a família para comer. O almoço estava uma delícia, mas Jamela notou que a avó procurava a galinha com os olhos.

No fim da fefeição a avó perguntou "e a galinha?"
Jamela saiu da mesa em um salto, e disse "- Vou mostrar a você, vovó".
Pegou a avó pela mão, e mostou a bela galinha e disse que a mãe tinha lhe dado a galinha de presente e que ela se chamava Natal.

Dessa vez, vovó ao invéz de passar a língual pelos lábios, apertou Jamela com carinho e disse "Que natal feliz!"

No texto tem palavras africanas e no fim do livro tem um vocabulário com a tradução das palavras... mas durante a leitura dá bem para entender o que cada palavra quer dizer.
Um livro que conta uma história linda de amizade entre Jamela e Natal.

Com 36 páginas, encontrei (pesquisa internet) por R$ 35,00 no site das Livrarias Saraiva, Livraria da Folha e Travessa. E por R$ 31,35 no site da Cia dos Livros (www.ciadoslivros.com.br - eu nunca comprei nesse site).

Nenhum comentário:

Postar um comentário